AO VIVO
Menu
Busca sexta, 18 de junho de 2021
Busca
Cuiabá
32ºmax
19ºmin
Correios Celular - Mobile
Política

Prefeito e Vice-prefeito de Campo Novo do Parecis são cassados por uso de máquinas públicas

Rafael Machado foi reeleito no ano passado com 5.902 votos

09 junho 2021 - 16h26Por Maria Fagundes
Prefeito e Vice-prefeito de Campo Novo do Parecis são cassados por uso de máquinas públicas

O prefeito de Campo Novo do Parecis Rafael Machado (PSL) e o vice-prefeito Antônio Cesar Brolio, que também é do PSL, foram cassados pelo tribunal eleitoral nesta terça-feira (8) por usarem máquinas públicas na eleição do ano passado.

Em entrevista exclusiva para o site G1MT, Rafael machado alegou que é a primeira vez que vê prefeitos sendo cassados por "trabalharem demais". O parlamentar disse que vai se reunir com seus advogados ainda nesta quarta-feira, 09, para avaliarem o caso. 

"Apesar da pouca experiência em cargo público é a primeira vez que vejo a cassação de prefeito por trabalhar demais e mostrar o que fez. O que chamam de promoção pessoal, chamo de transparência. Estamos avaliando se cabe recurso, uma vez que quem assume é o presidente da Câmara", disse.

O prefeito violou o princípio da impessoalidade ao usar publicações oficiais para autopromoção, e usou a imagem do prefeito quando o vídeo de ação da Prefeitura foi lançado entre 2017 e 2020, o que prejudicou a eleição e desequilibrou outros competidores na disputa.

"É inadmissível não acreditar que tais propagandas não desequilibraram o pleito eleitoral municipal de 2020. Observa-se que implicitamente o discurso do investigado é no sentido de que esse governo deve continuar, ou seja, ser reeleito. Assim, conforme bem argumentado pelo parecer do ilustre representante do Ministério Público, entendo ser cabível a aplicação da sanção de declaração de inelegibilidade", diz trecho da decisão.

Rafael Machado foi reeleito com 38,39% dos votos.

O candidato derrotou Pim, que ficou em segundo lugar com 35,43% (5.902 votos).